Existem milhares ou até milhões de artigos escritos sobre como ter um relacionamento ou casamento bem-sucedido a longo prazo, mas nenhum que pareça capturar alguns dos principais ingredientes que achei importantes nos relacionamentos e casamentos. Então aqui está o segredo, pela minha própria experiência.

Antes de começar, no entanto, é importante dissipar um mito comum do relacionamento - os relacionamentos são (ou deveriam ser) fáceis. Isso simplesmente não é verdade. A grama sempre parece mais verde na vida de outras pessoas, porque poucas pessoas compartilham a verdade da quantidade de trabalho que é preciso em um relacionamentos (por isso, 50% dos casamentos terminam em divórcio). Os relacionamentos - mesmo os melhores relacionamentos do mundo - requerem atenção, carinho e trabalho constantes. Se você consegue entender e aceitar a necessidade de atenção constante e trabalhar em seu relacionamento, começará na direção certa.

5 Segredos Para um Casamento Bem-Sucedido a Longo Prazo

1. Compromisso

Relacionamentos não é apenas receber, mas também dar. Se você não se dar muito, ou se sente ressentido com o quanto dá e o quanto recebe de volta, pode estar em um relacionamento desigual, em que um lado está recebendo mais do que está dando.

Por exemplo, às vezes, os casais acreditam erroneamente que o "amor" os ajudará a lidar com qualquer problema que surgir e que, se a outra pessoa realmente o ama, ela faria tudo o que você pedir. Mas as pessoas são independentes com suas próprias necessidades e personalidades. Só porque encontramos alguém com quem queremos passar a vida não significa que desistimos de nossa própria identidade no processo.

2. Comunicar

Os relacionamentos vivem e morrem não pela espada, mas pela quantidade de discussão. Se duas pessoas não conseguem encontrar uma maneira aberta e honesta de comunicar suas necessidades e sentimentos, o relacionamento não tem muitas chances a longo prazo. Os casais devem encontrar uma maneira de se comunicar regularmente, aberta e diretamente.

Isso não significa esperar por uma discussão para dizer ao seu conjuge o quanto ele o incomoda com ele jogando as roupas no chão em vez do cesto. Significa dizer a ele quando você sentir necessidade e fazê-lo de uma maneira respeitosa, mas assertiva.

3. Escolha Suas Batalhas Com Cuidado

Após o casamento ou quando duas pessoas passam a viver juntas, os casais tendem a descobrir praticamente a mesma coisa, não importa quem sejam - que são duas pessoas diferentes e que viver juntos é mais difícil do que alguém jamais lhes disse. O amor conquista muitas coisas, mas não é páreo para viver dia após dia com outro ser humano (especialmente se você passou anos sozinho).

Prepare-se para esse desafio, escolhendo quais argumentos você deseja transformar em uma batalha completa. Por exemplo, você realmente quer começar uma briga pela tampa da pasta de dentes ou como o box do banheiro está limpo? Ou você prefere reservar sua energia para as discussões sobre finanças, filhos e planos de carreira (você sabe, as coisas que podem realmente importar para uma pessoa). Muitos casais brigam e discutem sobre as coisas mais idiotas, especialmente quando colocadas no contexto de questões de verdadeira importância.

4. Não Esconda Suas Necessidades

Às vezes, quando entramos em um relacionamento de longo prazo, nos colocamos em segundo lugar, atrás das necessidades e desejos da outra pessoa. Podemos desistir de trabalhar para ter um filho ou concordar em mudar para outra cidade para ajudar a apoiar a carreira de outras pessoas importantes. E tudo bem, mas primeiro você precisa ser realista sobre se essas coisas realmente importam para você ou não. Se importarem, você precisará encontrar uma maneira de comunicar essas necessidades com seu parceiro e comprometer-se sempre que possível.

Duas pessoas raramente terão exatamente os mesmos desejos e vontades da vida - isso é apenas uma fantasia. Em vez disso, espere que, às vezes, seus dois caminhos divirjam. Expresse suas necessidades nesses momentos cruciais, mas sempre encontre uma maneira de fazê-lo com respeito e mente aberta.

5. Não Subestime a Importância da Confiança e Honestidade

Pessoas diferentes têm áreas de preocupação diferentes, mas quase todo mundo valoriza a confiança e a honestidade do cônjuge acima de tudo. Por quê? Porque seu cônjuge é a única pessoa da qual você deseja poder confiar a longo prazo, sem interrogação ou dúvida.

Pequenas coisas em que seu cônjuge não foi completamente honesto não devem ser exageradas, porque praticamente todo mundo conta pequenas mentiras brancas (especialmente quando alguém está namorando). Em vez disso, concentre-se nas grandes coisas, como se ele disser que é advogado e você descobrir que ele nunca passou pelo tribunal, ou que ele gosta de crianças, mas mais tarde insiste em nunca ter um.

Relacionamentos fortes são como uma conversa muito boa com alguém que você admira, confia e valoriza - elas são sempre variáveis, envolventes, maravilhosamente gratificantes e às vezes surpreendentes. Mas, para continuar a conversa, porque você quer ver o que a pessoa tem a dizer a seguir, você deve respeitar a opinião do seu cônjuge, mesmo quando não concordar.

E, assim como uma boa conversa, você precisa trabalhar para manter o seu objetivo também. Você precisa mostrar atenção e nutrir o relacionamento constantemente, assim como nutriria qualquer coisa que valorize na vida. Você não apenas "se casa" e esse é o fim. De fato, o casamento é apenas o começo de um longo processo de aprender a se comunicar aberta e honestamente com outra pessoa de maneira respeitosa e atenciosa.

Se você concorda e segue estas dicas, estará no caminho de ter um relacionamento ou casamento mais bem-sucedido. Mas lembre-se - são necessários dois para dançar o tango. Compartilhe-os com seu cônjuge e use-os como uma oportunidade para começar a conversa sobre sua vida.

Postar Comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem