Como Criar um Código Saudável Para Ser Feliz no Casamento em um Mundo Imperfeito - Casamento Forte

Como Criar um Código Saudável Para Ser Feliz no Casamento em um Mundo Imperfeito

Muito menos casamentos terminariam em divórcio se mais casais criassem um código de casamento saudável.

O que é um código?

É um conjunto de regras / princípios / comportamentos que você seguirá, independentemente da sua situação ou circunstâncias.

Porque isso é importante?

Porque isso reforça a integridade estrutural do seu casamento. Sem um código de casamento, as forças externas podem destruir seu relacionamento. Um código coloca você e seu cônjuge na direção que vocês precisam seguir.

Como Criar um Código Saudável Para Ser Feliz no Casamento em um Mundo Imperfeito

Cinco Coisas Para o Seu Código

Você pode criar qualquer código que funcione melhor para o seu casamento, mas aqui estão cinco coisas que eu recomendo que você considere incluir:

1. Comunicação.

Não presuma, adivinhe ou confie em boatos quando se trata de seu casamento.

Você deve conversar com seu cônjuge sobre as coisas. Seja sempre educado e cortês. E, acima de tudo, esforce-se para entender seu cônjuge. Na verdade, a comunicação só acontece quando vocês finalmente se entendem.

2. Religião

A pesquisa demonstra que as famílias que oram se aproveitam menos umas das outras e são mais saudáveis, mais felizes e têm maior satisfação com a vida.

Dito isto, a religião é uma questão explosiva e continua a ser uma das fontes mais comuns de desacordo crônico entre casais.

Portanto, seja proativo e discuta religião. Compartilhe por que a religião é importante / sem importância para você e como você gostaria que seu cônjuge lhe desse apoio nesse assunto.

Por favor, seja amoroso e gracioso. Esteja disposto a comprometer-se também. Faça o que fizer, não importunar, coagir ou pressionar um ao outro.

Por último, se você tem filhos, ou planeja, então discuta o papel da religião em suas vidas.

3. Confiança

A Bíblia ensina que devemos confiar em Deus e em nosso cônjuge. Seu marido ou esposa é seu melhor amigo?

Ele ou ela deve ser seu confidente, porto seguro e parceiro com quem você desfruta de todas as coisas boas da vida. Seu cônjuge também deve ser uma fonte de amor e aceitação incondicional.

Isso não significa que seu cônjuge seja seu único amigo. Mas isso significa que, de todos os seus amigos, ele ou ela seja seu melhor amigo.

Então faça a vida com seu cônjuge. A vida não é algo que você fica esperando acontecer. A vida está acontecendo agora. Então saiam em caminhadas, faça coisas divertidas, planeje aventuras, crie memórias; viva!

4. Reais e Centavos

Quem diria que moedas e papel poderiam criar tantos conflitos no casamento?

Os casais brigam sobre como ganhar dinheiro, gastá-lo, salvá-lo, investi-lo, etc. - você entende a ideia.

Seria útil se você e seu cônjuge discutissem o tipo de estilo de vida que você realmente deseja. Em seguida, descubra o papel do dinheiro na criação desse estilo de vida. Você pode descobrir que, para ganhar o tipo de dinheiro que precisa para financiar seu estilo de vida preferido, você terá que gastar muito menos tempo juntos como uma família e muito mais tempo no trabalho. Essa consciência pode influenciá-lo a fazer escolhas diferentes.

Não tenha medo de falar sobre dinheiro porque, se você não fizer isso, ele se encarregará de você - e não de um jeito bom.

5. Filhos

Se um dos cônjuges tem um grande desejo de ter filhos e o outro não tem desejo, então haverá problemas. Na verdade, esse é o tipo de coisa que arruína casamentos. Você e seu cônjuge devem discutir se você terá ou não filhos e, em caso afirmativo, quantos.

Outra coisa a discutir é a seguinte: se você tiver problemas para conceber, a adoção é uma opção? E quanto a fertilização in vitro? E se a FIV for uma opção, quanto você está disposto a gastar se tentativas repetidas forem necessárias? Essas são questões que você precisa discutir para que você possa ter um plano - um código - que o leve adiante na direção que você deseja que seu casamento siga.

Outra questão crítica em relação às crianças que causa conflitos nos lares é quem será o principal disciplinador, a mãe ou o pai? E qual estilo disciplinar será usado?

Além disso, quando as crianças aparecerem, que escolhas de carreira serão feitas? Um dos pais vai ficar em casa? Ambos os pais continuarão a trabalhar, mas procurarão ajuda externa para criar os filhos?

(Por favor, não tenha medo de ter filhos. Eu sei que pode parecer complicado, mas praticamente todos os pais dizem que ter filhos vale muito a pena!)

Ter um código conjugal, mesmo que inclua apenas as cinco coisas que discutimos, ajudará a proteger seu casamento de conflitos desnecessários e trabalhará para criar um relacionamento mais satisfatório com seu cônjuge - e mantê-lo indo na direção certa.

Não é bom o suficiente para você e seu cônjuge simplesmente saberem que as coisas vão acontecer. Casais de sucesso antecipam problemas lidando com eles antes do tempo de maneira similar ao que discutimos aqui.

A escolha é sua, você pode ir à deriva e ficar bravo um com o outro ou criar um código e ficar loucamente apaixonado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!