"As Cinco Linguagens do Amor" Por Gary Chapman

Pode o livro de Gary Chapman, “As Cinco Linguagens do Amor”, fortalecer o seu casamento?

O Dr. Gary Chapman é um conselheiro cristão e autor de “As Cinco Linguagens do Amor”. Ele escreve sobre a importância de poder expressar amor ao seu cônjuge de uma forma que seu cônjuge possa entender. Ele chama isso de um tipo de comunicação através do uso de cinco "linguagens do amor".

Aqui está um breve resumo das cinco linguagens do amor emocional de acordo com Chapman:

Palavras de Afirmação

"As Cinco Linguagens do Amor" Por Gary Chapman
É quando você diz o quanto sua esposa está bonita ou o quanto o jantar foi ótimo.

Isso envolve mostrar amor através do uso de declarações verbalmente afirmativas para o seu cônjuge. Estas palavras também irão construir a autoimagem e confiança do seu cônjuge.

Tempo de qualidade

Alguns cônjuges acreditam que estar juntos, fazer coisas juntos e focar uns nos outros é a melhor maneira de demonstrar amor.

Isso inclui envolvimento emocional um com o outro durante qualquer atividade que você esteja fazendo em conjunto, mesmo que seja apenas "passear". Se esta é a linguagem de amor do seu parceiro, desligue a TV, ignore seu telefone celular e dê atenção mútua.

Receber Presentes

É universal nas culturas humanas dar presentes. Eles não precisam ser caros para enviar uma mensagem poderosa de amor. Cônjuges que esquecerem um aniversário ou data especial ou que nunca derem presentes a alguém que realmente goste de presentear se encontrarão com um cônjuge que se sinta negligenciado e não amado.

Isso não é sobre materialismo, é sobre saber que você está na mente de alguém mesmo quando você não está junto. Aqui é onde o pensamento definitivamente conta!

Atos de Serviço

Isto é sobre como você pode fazer algo melhor para o seu cônjuge que exigirá tempo e criatividade.

Esses atos de serviço como varrer o quintal, limpar a cozinha, pendurar a toalha, plantar um jardim, etc., precisam ser feitos com alegria para serem percebidos como um presente de amor.

Para as pessoas que valorizam os atos de serviço, "as ações falam mais alto que as palavras" é o seu mantra.

Toque Físico

Essas pessoas dão muita importância ao afeto físico e ao toque. Não necessariamente sexo por si só, mas abraços, mãos dadas, uma massagem improvisada e assim por diante.

Esse contato físico é muito reconfortante e significativo para alguém com essa linguagem de amor.

Determinando Sua Própria Linguagem de Amor

Como você provavelmente tem falado o que precisa o tempo todo, você pode descobrir sua própria linguagem de amor, fazendo a si mesmo estas perguntas:
  • Como eu expresso amor aos outros?
  • O que eu mais me queixo?
  • O que eu peço com mais frequência?
No entanto, falar na linguagem do amor do seu parceiro provavelmente não será natural para você. O Dr. Chapman adverte em seu livro: "Não estamos falando de conforto. Estamos falando de amor. O amor é algo que fazemos para outra pessoa. Muitas vezes os casais se amam, mas não estão se conectando. Eles são sinceros, mas sinceridade não é o suficiente". Devemos sair da nossa zona de conforto para satisfazer as necessidades emocionais um do outro.

Experiências Emocionais

O Dr. Chapman relata que a experiência emocional número um que as pessoas têm é sentir a presença de Deus em suas vidas. A emoção de se apaixonar é a segunda maior experiência emocional que as pessoas supostamente têm.

Portanto, pode ser muito difícil tentar falar com sensatez a alguém que está apaixonado. Na verdade, o Dr. Chapman acredita que o amor obsessivo pode tornar as pessoas mentalmente incompetentes.

Ele escreve: "Não há muita diferença entre estar apaixonado e ser insano". Os seres humanos colocam uma importância crítica de ter amor em suas vidas, particularmente o amor que um relacionamento romântico traz.

Tanques de Amor Vazios

Após o primeiro ou segundo ano de casamento, quando o "formigamento" inicial está começando a desaparecer, muitos casais acham que seus "tanques de amor" estão vazios. Eles podem ter expressado amor pelo cônjuge, mas, na realidade, podem estar falando uma linguagem de amor diferente.

A melhor maneira de encher o tanque de amor do seu cônjuge é expressar amor em sua linguagem de amor.

Cada um de nós tem uma linguagem primária de amor. Normalmente, os casais não têm a mesma linguagem de amor.

Verificação do Tanque

O Dr. Chapman recomenda que você tenha uma "checagem do tanque" 3 noites por semana durante 3 semanas. Pergunte um ao outro "Como está o seu tanque de amor hoje à noite?" Se, em uma escala de zero a dez, for menor que 10, pergunte "O que posso fazer para ajudar a preenchê-lo?" Então faça o melhor que puder.

Embora o conceito da linguagem do amor não tenha sido cientificamente comprovado, faz muito sentido. A chave é lembrar de usar esse conhecimento para amar melhor seu cônjuge. Porque tanto amar como ser amado é muito crítico em nossas vidas, aprender sobre a "linguagem do amor" de cada indivíduo, pode nos aproximar do objetivo.

Postar um comentário

0 Comentários