7 Mentiras que Estão Lentamente Matando seu Casamento

Você acha que sabe tudo sobre casamento? Pense novamente, porque se você for como a maioria, provavelmente estará operando com algumas suposições falsas que impedem que você e seu cônjuge tenham o melhor relacionamento possível.

O mau conselho de relacionamento está em toda parte, e algumas ideias, por mais erradas que sejam, foram aceitas como “fato” na cultura popular. Esses mitos do casamento podem vir de nossas próprias famílias, da ficção e dos filmes que assistimos, ou das suposições que fazemos. Algumas dessas desonestidades são inofensivas, mas outras são prejudiciais, fazendo com que as relações se autodestruam lentamente - ou às vezes rapidamente - quando as tomamos de fato.

Esses mitos podem ser insidiosos - eles são invisíveis porque simplesmente parecem senso comum. Mas se você dedicar um tempo para questionar suas suposições de como é um bom casamento, você pode simplesmente encontrar uma maneira melhor.

A verdade é que praticamente qualquer casamento pode funcionar, fazendo um pequeno esforço.

Então, se seu casamento está difícil, e você não consegue identificar exatamente por quê, você pode estar trabalhando debaixo de uma mentira. Para ajudar você a descobrir a verdade, vamos analisar 7 mentiras que estão matando lentamente seu casamento e o que você pode fazer com elas.
7 Mentiras que Estão Lentamente Matando seu Casamento

1. "O sexo no casamento é chato"

Esta é uma mentira que a cultura popular tem repetido 24 horas por dia, e causa incômodo incontável em casamentos em todos os lugares.

Esta mentira geralmente começa antes mesmo do início do casamento, incutindo uma sensação de terror nos jovens que temem que suas noites malucas acabem. E uma vez que o casamento é gravado em pedra, a expectativa de uma vida sexual fracassada pode rapidamente tornar-se uma profecia autorrealizável. Os cônjuges esperam uma falta de excitação sexual, e assim desistem e pouco fazem para aprender como manter o calor.

Vamos dissipar essa mentira.

A excitação sexual de um relacionamento saudável de longo prazo não vai parecer a mesma luxúria de curto prazo que acompanha o novo parceiro. Não - a intimidade sexual do casamento pode ser muito mais profunda e satisfatória, porque você está com alguém que conhece você profundamente e está comprometido com a sua felicidade.

Em outras palavras, o sexo no casamento é melhor. Veja nesse artigo Como melhorar o sexo no casamento

Para alcançar uma ótima vida amorosa no casamento, você terá que se comunicar com seu parceiro. Não tenha medo de descrever o que você mais gosta. Seja honesto - você está com a pessoa em quem mais pode confiar no mundo. Não tenha medo de experimentar e tentar coisas novas.

Acima de tudo, basta perceber que a sua vida sexual no casamento é o que você faz dela, então faça o melhor!

Leia também: Bom sexo e um casamento maravilhoso e forte

2. "Eu tenho que desistir da minha identidade pelo meu casamento"

Quando um parceiro começa a perder sua identidade dentro de um casamento, isso afeta ambos os cônjuges de maneiras muito diferentes. O resultado, no entanto, é sempre o mesmo: um casamento infeliz para ambos.

Algumas pessoas acham que, para tornar seu cônjuge feliz, elas precisam mudar. Até certo ponto, isso pode ser verdade. Os hábitos indesejáveis, como desonestidade ou ira descontrolada, podem ser destrutivos para um relacionamento. Mas quando um cônjuge começa a reprimir seu desejo de perseguir suas paixões, a se empenhar nos hobbies do parceiro, ou a fazer das escolhas do parceiro as suas para agradar um cônjuge, eles perdem os próprios atributos que provavelmente satisfazem aquele cônjuge.

Um casamento não é a fusão de duas pessoas em uma - é um relacionamento entre dois indivíduos únicos que prometeram amar e cuidar um do outro. Então, se sua personalidade e suas escolhas pessoais não estiverem prejudicando seu cônjuge, fique com elas.

Você deve sempre ter um eu que seja independente de seu relacionamento, então celebre sua própria singularidade, assim como a de seu cônjuge. Não há problema em ser diferente, discordar respeitosamente e ser sua própria pessoa. Caso contrário, as coisas ficam chatas!

3. "Casais de sucesso não discutem"

Essa é uma mentira que muitas vezes vem de dentro da família. Talvez seu pai não entrava em conflito, ou talvez sua mãe fosse do tipo que varresse conversas difíceis para debaixo do tapete, a fim de manter a paz. Seja qual for a fonte, muitas pessoas absorvem a falsa lição de que um casamento feliz é aquele em que as divergências simplesmente não acontecem.

Isto é uma mentira que lentamente destruirá seu casamento.

Evitar problemas causa tensão e ressentimento e destrói a intimidade emocional por falta de comunicação. Sem argumentos saudáveis, os casais rapidamente se afastam por causa de necessidades não atendidas e problemas não tratados.

O simples fato é que os melhores casamentos são aqueles em que os parceiros se comunicam de maneira aberta, honesta e respeitosa. Casais saudáveis, de fato, discutem, mas a chave é que eles não discutem para vencer - eles argumentam para encontrar soluções mutuamente benéficas para seus problemas.

Não acredite nessa velha mentira. Os melhores casais podem discutir enquanto ainda se amam.

Leia também:

4. "O casamento me completa"

Esta é uma noção muitas vezes realizada por jovens que entram na vida conjugal, e resulta em uma espécie de dependência que irá corroer qualquer relacionamento ao longo do tempo.

A ideia de que poderíamos encontrar a nossa alma gêmea e que essa pessoa nos tornaria de alguma forma "completos" é doce, mas problemática. Afinal de contas, dizer que você precisa de alguém para completá-lo é também dizer que você é apenas meia pessoa quando está sozinha.

Isso simplesmente não é verdade.

Você é uma pessoa inteira, com ou sem seu cônjuge, e quando você opera com a suposição de que não é, pode esperar que seu cônjuge atenda a todas as suas necessidades.

Isso é algo que nenhum ser humano pode fazer - é uma expectativa irreal que levará a desgostos por você e à frustração por seu cônjuge, drenando lentamente a vida de seu casamento.

Você não precisa se tornar completamente dependente de seu cônjuge para todas as suas necessidades e desejos. Seja seu próprio indivíduo e você será um parceiro melhor e uma pessoa mais feliz.

5. "Casamento significa crianças, uma hipoteca e o fim da aventura"

Todos nós temos uma certa imagem de como é o casamento. Normalmente, essa imagem assume a forma da típica vida suburbana estilo sitcom, completa com crianças e uma casa.

Para algumas pessoas, isso é horrível. Mas também não é como o casamento tem que ser.

Essa mentira geralmente vem junto com o mito do “sexo no casamento é chato” e é igualmente falso. Muitas pessoas pensam que têm que desistir de suas vidas, sonhos e ambições de casamento, e assim, quando se casam, a aventura acaba.

Mas o fato é o seguinte: o casamento pode ser o começo da aventura e não o fim.

O casamento é o que você faz. Se você acha que sua vida acabou quando você amarrar o nó, será. Você vai acabar infeliz, e seu relacionamento vai sofrer por isso. Mas se você se casar com a mentalidade de que tudo é possível, o casamento será a jornada emocionante que deveria ser.

O casamento pode parecer com você e seu cônjuge vivendo no exterior. Pode parecer um apartamento no alto de um prédio na cidade grande. Pode parecer apenas vocês dois, sem filhos no horizonte, eternamente.

Se você e seu cônjuge estiverem se sentindo presos na visão de outra pessoa sobre o que deveria ser o casamento, faça uma discussão aprofundada sobre o que ambos desejam mudar. As respostas podem surpreendê-lo.

6. "Eu sempre vou estar apaixonado por meu cônjuge"

Esta é uma mentira de casamento que é difícil de dissipar, porque a verdade real é difícil de engolir. Mas sente-se, abra sua mente e ouça.

Você não estará sempre apaixonado por seu cônjuge. E tudo bem.

Emoções são coisas turbulentas. Como o mar, elas aumentam ou diminuem, batem contra a praia em tsunamis e às vezes ficam calmos e imóveis. Os romances são importantes para crescer e cultivar durante o casamento, mas não há garantia de que você se sentirá apaixonado 100% do tempo.

Na verdade, às vezes você se sente hostil ao seu cônjuge. Mas se você acreditar nesta mentira em particular, você acreditará que seu casamento acabou quando o amor romântico desaparecer, e você pode ser tentado a acabar com ele.

Não. A calmaria é temporária e a maré logo voltará.

É importante perceber que a maneira como você se sente em relação ao seu cônjuge muda com o tempo. A chave aqui está em lembrar que o núcleo de um casamento não é apenas sobre os altos do amor - é também sobre amizade, companheirismo e intimidade. Em vez de se afastar de seu cônjuge quando o romance diminuir temporariamente, trabalhe para manter um bom relacionamento por meio da comunicação, do respeito e da abertura emocional. Com essas coisas intactas, o amor retornará.

No início de um casamento, o amor alimenta o relacionamento. Mais tarde, porém, é o relacionamento que alimenta o amor. Lembre-se disso. Leia nesse artigo A verdade sobre perder a paixão

7. "Meu cônjuge não mudará"

Oscar Wilde disse uma vez que "a tragédia do casamento é que, enquanto todas as mulheres se casam pensando que o homem vai mudar, todos os homens se casam acreditando que sua esposa nunca vai mudar".

Há alguma verdade nas palavras do Sr. Wilde. Não temos controle sobre como nosso cônjuge muda com o tempo. Todo mundo muda, e esse processo pode ser devastador para alguém que pensa que seu cônjuge sempre permanecerá exatamente como está, congelado no tempo.

Deixar de lado a mentira de que seu cônjuge nunca vai mudar vai ajudá-lo a ser mais aberto a sua maturação - você será mais capaz de aceitar o fato de que seu cônjuge é um ser humano vivo, respirando, mudando e que continuará a crescer ao longo da vida.

Não deixe que a suposição de que seu cônjuge nunca mudará mate lentamente seu casamento. Fique sempre animado com as coisas novas em sua vida, participe e não se sentirá deixado para trás.

Quebrando os Mitos e Mentiras

Cada mentira que acreditamos sobre o casamento enfraquece nossa capacidade de ser um ótimo cônjuge. Aproveite o tempo para questionar o que você sabe - especialmente as coisas que são "senso comum" - e você será capaz de descobrir todo o potencial do melhor relacionamento de sua vida.

Não deixe seu casamento morrer lentamente. Dissipe esses mitos e mentiras e descubra as alegrias do casamento.
Artigo Anterior
Próximo Artigo

0 comentários: